Senador Julião

O secretário Julião Amim conseguiu atrair todas as atenções do senador Paulo Paim e do indiano, Prêmio Nobel 2014, Kallash Satyathi, durante a apresentação dos processos de enfrentamento ao trabalho escravo na Comissão dos Direitos Humanos e Legislação Participativa, no Senado Federal. Mostrou que entende do riscado com seu histórico de lutas trabalhistas. O inusitado da exposição ficou por conta de dois jornalistas presentes na comissão, quando um indaga ao outro se o Julião era senador pelo Maranhão, mas do que rápido o colega lembra as características dos senadores maranhenses, com um envolvido na Operação Lava Jato, o segundo com os esquemas de proteção no Conselho de Ética e um terceiro defendendo o senador preso Delcídio do Amaral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.