Coluna Aparte – Caro carimbo

Impressionante a repercussão da entrevista do deputado estadual, Yglésio Moyses (PROS), no programa Os Analistas, na TV Guará, desmistificando a questão do lucro exorbitante dos cartórios e na apuração das formas aplicadas para a cobrança e divisão do lucro para o Tribunal de Justiça, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública e cartórios sem rendimentos que possibilitem suas manutenções, principalmente nos menores municípios.

Todos os telespectadores do programa de debates demonstraram a indignação pelo preço cobrado, a lentidão dos serviços, mesmo com a atual tecnologia, e, principalmente, o questionamento dos cartórios servirem para o enriquecimento de um leque de empresários dos carimbos quando poderiam receber somente salários como os demais servidores da justiça.

Tirando os representantes dos cartórios, nenhuma opinião veio com a aceitação para a continuidade das impostas obrigatoriedades da população que paga um dos mais altos impostos do mundo.

Evidente que tudo deve ficar como sempre foi, infelizmente amparados na Constituição. Preocupante saber quem vai apurar as denúncias das cobranças por fora das taxas que atendam as gulosas instituições de defesa dos usuários do carimbo e papel.

Será que somente sobra o solitário e corajoso parlamentar do PROS?

Como fica o PROCON-MA diante dessas denúncias?

  • Coluna Aparte publicada nas segundas-feiras na página Política, no jornal O Imparcial.
  • Charge do Nuna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.