Coluna Aparte – PT, lamentável

Deviam ao menos transparecer que entendem a gritante rejeição dos eleitores, podiam manter uma discrição, provocar o menos possível a opinião pública.

Verdade que os ainda integrantes da cúpula do PT no Maranhão ainda demonstram a incapacidade de manter um comportamento racional.

Tentaram de todas as formas enquadrar o governador Flávio Dino (PCdoB) e o prefeito Edivaldo Holanda (PDT), nada funcionou, ficaram no vácuo, falando sozinhos.

Para os pré-candidatos Flávio Dino (PCdoB), Zé Reinaldo (partido indefinido) em conjunto com Eduardo Braide (PMN) e Waldir Maranhão (partido indefinido) interessa os minutos no período eleitoral.

Do legado do Lula querem somente os votos dos eleitores do Bolsa-Familia e Minha Casa, Minha Vida. Eles sabem, só não admitem.

  • Coluna Aparte, publicada as segundas, na página Opinião, no jornal O Imparcial.
  • Charge do personagem Zé Maranha com Nuna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.