MPE, implacável

Implacável com os que desviam da conduta correta em todos os segmentos, o procurador geral de justiça, Luiz Gonzaga Coelho, aplicou a demissão ao promotor de justiça Ricardo Henrique Almeida flagrado no crime de estelionato e apropriação indébita em relação a um imóvel.

Integrantes do Ministério Público Estadual tem lamentado que um dos seus membros tenha perdido o cargo pelo valor de R$ 24.800 reais, numa negociação fraudulenta envolvendo um imóvel de um reclamante que recorreu ao órgão como proteção contra a tentativa de tomarem o seu patrimônio.

Enquanto isso no TJ.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.